Alcançar o objetivo exige estratégia. Até para perder peso. Particularmente, nos treinos é preciso algumas providências para manter o foco e manter a motivação e disciplina.

1 – AVALIE SUA COMPOSIÇÃO CORPORAL

O primeiro passo é saber como está sua composição corporal: peso, percentual de gordura, massa muscular e circunferências. Esses dados são referências para você determinar seu objetivo.

O importante da avaliação é que a mesma seja sempre feita com os mesmos métodos, para conseguir aferir os resultados alcançados ou mesmo traçar estratégias em possíveis falhas.

Trace sempre objetivos alcançáveis e claros. Realize esse procedimento em média a cada 30 a 90 dias.

2 – TREINE SEUS MÚSCULOS

Quando falamos em emagrecimento logo vêm os aeróbios na cabeça. O treino aeróbio tem seus benefícios, mas não é o mais eficaz quando o assunto é perda de gordura. A musculação aumenta o gasto calórico em repouso, aumenta o tecido ativo, melhora as taxas hormonais e diminui o percentual de gordura.

Outro tipo de atividade é o treinamento intervalado que hoje é chamado de “HIT”. Ele gera vantagens como a musculação, onde faz com que o organismo gaste energia no seu descanso e também é benéfico para a preservação da massa magra.

3 – REALIZE EXERCÍCIOS MULTIARTICULARES

Quando o treino envolve exercícios multiarticulares, como supino reto, leg press, puxada frente, agachamento, desenvolvimento e outros, conseguimos recrutar um número maior de fibras musculares, gerando um gasto energético maior durante e após o treino.

Outro fator é que esses exercícios ativam os músculos sinergistas do movimento como bíceps, tríceps, panturrilha e outros fazendo com que eles acompanhem o seu desenvolvimento.

4 – FAÇA INTERVALOS CURTOS

O momento do treino é único e você deve utilizar de intervalos curtos entre as séries. Esse estímulo vai aumentar a intensidade dos exercícios fazendo com que estimule maior número de fibras musculares, maior produção de acidez, maior produção hormonal, aumento da frequência cardíaca e melhora no condicionamento.

5 – MUDE SUA ROTINA DE TREINO

O corpo busca sempre o equilíbrio. O termo aplicado a isso é homeostase. Quando realizamos um sistema de treino por um período o corpo se adapta a essa atividade e não gera mais resposta a ponto de criar novas adaptações.

Para isso, o ideal é sempre mudar o método de treino. Alguns métodos interessantes para quem busca o emagrecimento são: treinos em forma de circuitos, combinação de dois exercícios para o mesmo grupo muscular, treinos antagônicos e combinações de membro superior e inferior sem descanso.

6 – USE O ESPELHO COMO REFERÊNCIA

Você pode usar o espelho como parâmetro visual de resultados. Ele é uma referência para o aumento da gordura ou a diminuição da mesma.

A região abdominal é determinante principalmente para os homens e, para a maioria das mulheres, a região do quadril pode ser um parâmetro de avaliação dos resultados.


Referências bibliográficas:

Bossi, L.C. Periodização na musculação. 3 edição. São Paulo: Editora Phorte, 2014.

McARDLE, W. D. e outros. Fisiologia do exercício: energia, nutrição e desempenho humano. 4.ed. São Paulo: Guanabara Koogan, 1996.

Prestes J., Foschini D., Marchetti P., Charro M. Prescrição e periodização do treinamento de força em academias. Barueri, SP : Manole, 2010.

Teixeira, C.V.S., Guedes Jr., D.P. Musculação time-efficient: otimizando o tempo e maximizando os resultados. 2 edição. São Paulo: editora Phorte,2016.

Rocha, A. C., Dilmar, P.G.J, – Avaliação física para treinamento personalizado, academias e esportes: uma abordagem didática, prática e atual. São Paulo: Editora Phorte, 2013.

Author Profile

Anderson Sauin
Anderson Sauin
Coach e Treinador - CREF: 061857-G/SP
Formado em Educação Física
Pós–graduado em Atividade Física e Saúde Humana
Graduando em Nutrição
Consultor Atlhetica Nutrition